09 junho 2017

O AMOR É CEGO...

Olá pessoas, vamos papear?

Essa semana a foto de um casal causou aquele boom de comentários nas redes sociais, somente pelo fato de ser uma mulher gorda com um homem malhado. Fizeram diversos e absurdos julgamentos em relação ao casal, tudo isso porque a nossa sociedade sempre foi e continua sendo preconceituosa, segregadora, julgadora e tenta "padronizar" até mesmo o amor, um sentimento tão puro simples e singelo.

Vivemos em busca do corpo perfeito, do cabelo perfeito, temos uma mídia que esmaga o nosso ego com padrões de beleza mostrando somente pessoas "bonitas" sendo felizes, e quando em nossas mentes colocamos que estamos fora dos padrões tudo fica mais difícil. 


Mas o amor não ver cara, não ver cor, nem poder, amor é o que temos dentro de nós e que pode ser despertado por alguém disposto a isso. Interessante é o desabafo que essa moça fez no seu instagram quando postou essa foto, se sente feliz e amada e não sabe como nem porque seu marido a ama tanto mesmo ela sendo tão "imperfeita" cada curva, cada gordurinha.

Mas a pergunta por si só já se responde, quando alguém ama de verdade não busca perfeição, nem padrão, nem status social, ama-se as imperfeições, o que está fora do padrão, ama-se exatamente do jeitinho que o outro é. 

Se alguém te ama e quer muito ter você ao lado esse alguém não vai querer muda-lo mais sim transborda-lo. E como já dizem por aí beleza não se põe em mesa.

Que sejamos felizes fora dos padrões!

Beijos